Exportação de carne brasileira a árabes bate novo recorde no 1º semestre

Produto bovino apresentou aumento de 22,7%, enquanto o volume exportado em toneladas de frango cresceu 6%. Nações árabes se mantêm na quinta posição como quinto maior destino das exportações brasileiras para o mundo.

As exportações brasileiras de carne bovina para os países árabes, que representam o maior mercado para o produto nacional, bateram novo recorde no primeiro semestre de 2014, tanto em receita (valor em milhões de dólares) quanto em quantidade (volume em toneladas), em comparação com o mesmo período do ano anterior. As vendas do produto carnes desossadas de bovino congeladas, por exemplo, aumentaram quase 20%. Já o produto fresco ou refrigerado cresceu 18,22% em receita, e 15,35% em volume. Somadas as exportações de carnes de bovinos atingiram US$ 475 milhões. A informação vem de balanço divulgado pela Câmara de Comércio Árabe-Brasileira.
“Esses aumento se devem a um melhor desempenho da economia em alguns países. Em países como o Egito, a carne brasileira tem qualidade muito superior à indiana”, explicou o diretor geral e CEO da Câmara Árabe, Michel Alaby (Assessoria de Comunicação, 6/8/14)