Produção de petróleo aumenta 6,9% em junho e bate recorde, diz ANP

Produção atingiu 2,246 milhões de barris diários. Recorde anterior tinha sido registrado em janeiro de 2012.

A produção de petróleo no Brasil em junho atingiu 2,246 milhões de barris diários, superando o recorde anterior de 2,231 milhões de barris por dia, alcançado em janeiro de 2012, informou nesta quinta-feira (7) a Agência Nacional de Petróleo (ANP).
O resultado corresponde a um aumento de 2,6% em relação a maio e de 6,9% na comparação com junho de 2013.
Já a produção de gás natural em junho foi de 86,6 milhões de metros cúbicos, alta de 2,4% em relação a maio e crescimento de 8,2% na comparação anual.
A produção total de petróleo e gás natural no mês de junho atingiu 2,79 milhões de barris de óleo equivalente (boe). O volume é superior ao do mês anterior, quando a produção de petróleo e gás natural totalizou 2,721 milhões de barris de óleo equivalente por dia.
Segundo a ANP, 90,4% da produção de petróleo e gás natural foram provenientes de campos operados pela Petrobras.
O campo de Roncador, na bacia de Campos, foi o de maior produção de petróleo, com média de 256,2 mil barris por dia. O maior produtor de gás natural foi o campo de Mexilhão, na bacia de Santos, com média diária de 6,6 milhões de metros cúbicos.
A produção foi oriunda de 9.060 poços, sendo 799 marítimos e 8.261 terrestres. Entretanto, 92,4% da produção de petróleo e 73,5% da produção de gás natural do Brasil foram extraídos de campos marítimos.
O campo com o maior número de poços produtores foi Canto do Amaro, bacia Potiguar, com 1.115 poços. Marlim, localizado na bacia de Campos, foi o campo marítimo com maior número de poços produtores, 60 no total.
Pré-sal
A produção no pré-sal aumentou 6,2% em relação ao mês anterior, totalizando 583,2 mil barris de óleo equivalente por dia, sendo 478 mil barris diários de petróleo e 16,7 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia.
A produção teve origem em 33 poços, localizados nos campos de Baleia Azul, Baleia Franca, Barracuda, Caratinga, Búzios, Linguado, Lula, Marlim Leste, Pampo, Sapinhoá, Trilha e na área de Iara (G1, 7/8/14)